Últimas Notícias

Semana das brincadeiras antigas

Semana das Brincadeiras Antigas

Resgatar as brincadeiras antigas seria como se voltássemos aos tempo de infância do papai, da mamãe e dos nossos avós, afinal, antigamente as brincadeiras eram um pouco diferentes das brincadeiras atuais.

Você já reparou no seu filho brincando? Utilizando apenas a imaginação, situações onde ele cria diversas atividades? Basta uma pedrinha para tudo se transformar em uma amarelinha, um jogo de 5 Marias ou alguns colegas para um esconde-esconde. É no ato de brincar que a criança trabalha o desenvolvimento motor, cognitivo, emocional e social.

Antes de tudo, é importante que saibamos que através da brincadeira a criança compreende tudo ao seu redor, aprende a lidar com regras, a lidar com a vitória de uma forma saudável e também aprende a aceitar a derrota.

Nos dias atuais as brincadeiras vêm mudando e, embora os benefícios das brincadeiras não tenham fim, as crianças têm cada vez menos tempo para elas, pois vivem carregadas por agendas cheias de atividades extracurriculares e também pelo uso excessivo de aparelhos eletrônicos.

Esta semana resgatamos com nosso alunos do infantil e do fundamental 1, brincadeiras antigas, que podem ser realizadas em suas casas junto a sua família. Ao mesmo tempo que os mais velhos relembram sua infância, nossos alunos aprendem novas formas de diversão, deixando inclusive os eletrônicos de lado.

Ficou curioso para saber como foi? Então acompanhe as postagens em nossas Redes Sociais  e venha se divertir conosco.

E para conhecer mais brincadeiras segue uma dica para você !

 

.

Semana das brincadeiras antigas
Leia mais

Setembro Amarelo – Você não está sozinho

Setembro Amarelo – Você não está sozinho, é o título do projeto que será desenvolvido pelo colégio com seus alunos durante esse mês, para conscientização da importância da saúde mental de jovens e adolescentes.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a cada 40 segundos uma pessoa no mundo acaba cometendo suicídio. Isso quer dizer que em média 800.000 mil pessoas no ano acabam perdendo a sua vida.

Outros dados apontados em 2016, indicam que o suicídio é a segunda principal causa de morte entre jovens de 15 à 29 anos.

Diante disso fica mais clara a importância que devemos dar a esse tema, desenvolvendo palestras, campanhas, entre outros meios de ajuda e conscientização.

Essa é a proposta do Setembro Amarelo, ajudar pessoas, entendê-las.

Você sabe como surgiu o Setembro Amarelo?

O Setembro Amarelo surgiu em Setembro de 1994, nos Estados Unidos, após um jovem de apenas 17 anos, dono de um Mustang Amarelo, se suicidar.

Surpreendentemente em seu enterro, seus pais e amigos distribuíram cartões enrolados em fitas amarelas com frases de incentivo a pessoas que estavam passando por dificuldades emocionais.

A ideia ocasionou um movimento de Campanha ao Suicídio que até hoje usa como símbolo uma fita amarela.

Então, inspirado no caso Emme, o CVV (Centro de Valorização da Vida) junto ao Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) em 2015 adotou a Campanha Setembro Amarelo aqui no Brasil com o intuito de realizar campanhas de ajuda e conscientização.

Mas qual a importância dessas Campanhas?

As Campanhas são importantes para que, além de trazer esse tema à tona, tragam informações e opções de tratamentos ao público.

Visando reduzir o preconceito existente e que faz as pessoas ficarem com medo e vergonha de se abrir e pedir ajuda quando estão em sofrimento.

Atualmente acredita-se que o suicídio é algo distinto e que não afeta muitas pessoas, mas pelo contrário, a cada dia vem se tornando algo mais comum, principalmente nesse momento de pandemia, onde mais do que nunca as campanhas de prevenção devem ser efetivas, por ser um assunto muito sério.

Suicídio nesse Momento de Pandemia

No momento de pandemia que estamos atualmente, os casos de suicídio vêm aumentando constantemente.

Pessoas que têm depressão recebiam ajuda através de um psiquiatra ou psicólogo tiveram seus tratamentos suspensos e voltaram a ter gatilhos e pensamentos auto destrutivos.

Outras pessoas acabaram desenvolvendo por diversos motivos, como: perda de trabalho, perda de pessoas próximas, o isolamento social entre outros motivos.

Estamos passando por um momento em que todos devem ajudar, e devem ser ajudados!

Assim sendo, se você está passando por isso ou conhece alguém que esteja, entre no site da CVV, lá possuem voluntários 24 horas por dia dispostos a conversar e te ajudar.

Setembro Amarelo – Você não está sozinho!

“Dor compartilhada é dor Amenizada” – Santo Agostinho.

Setembro Amarelo – Você não está sozinho
Leia mais

Doe Brinquedos e nos ajude nessa campanha!

Doe Brinquedos e nos ajude nessa campanha!

A Campanha “Doe brinquedos e nos ajude” tem como objetivo estimular pessoas a doar brinquedos e nos ajudar nessa campanha.

Neste ano de 2020 O Colégio Poeta engajou-se numa campanha de arrecadação de brinquedos para crianças que residem num abrigo do Projeto Autonomia em foco, afinal,  trabalhar a solidariedade é um de nossos objetivos como colégio. Quando ouvimos histórias de luta e superação em busca de uma melhor condição de vida, nossa sensibilidade e empatia ressurgem através do interesse em ajudar o próximo.

Porque então não nos unirmos em prol de ajudar crianças a terem, um Dia das crianças melhor?

Essa é nossa proposta para esse mês: arrecadar brinquedos usados para promover sua doação para 55 crianças abrigadas no Projeto Autonomia em foco Unidade Bom Retiro.

Este é um Projeto desenvolvido pela Prefeitura de São Paulo e que acolhe desabrigados, moradores de rua e refugiados. Conheça um pouco mais do Programa Autonomia em Foco.

A proposta é desenvolver primordialmente habilidades que garantam o sustento das famílias, aprendendo meios de sustento, de administrar os ganhos, de planejamento de vida e futuro.

A entidade também auxilia na tirada de documentos, o que resgata sua cidadania. Há um projeto de cozinha experimental que tem como objetivo ensiná-los a produzir o próprio alimento.

A assistência prestada as famílias de refugiados de países como Haiti e Congo também é importante, pois os ajuda a permanecer em nosso país legalizados.

Todos os acolhidos tem o suficiente para viverem adequadamente até que tenham condições de ter seu próprio lar.

Então, entregue sua doação em uma de nossas Unidades e nos ajude a oferecer às crianças um belo “Dia 12 de Outubro”! 

Colégio Poeta Vila Medeiros – Rua Ataliba Vieira, 929 – Vila Medeiros

Colégio Poeta Guarulhos – Avenida Júlio Prestes, 982 – Vila Galvão

 

Doe Brinquedos e nos ajude nessa campanha!
Leia mais

Festa Julina Virtual

Nunca imaginamos, e acredito que muitas escolas também não, viver uma situação como essa que vivemos, de Pandemia e isolamento social,  mas infelizmente ela é real.

Então, neste ano, nosso grande desafio será aprender a trabalhar com eventos a distância, afinal, uma escola vive de aprendizado, de experiências sociais e dentre essas, as comemorações fazem parte de nossa proposta de Ensino.

O que trabalhamos num evento?

Nos eventos trabalhamos engajamento, conteúdos, habilidades, as relações sociais, aprendemos muito com as diferentes estruturas familiares, e trocamos muitas experiências, vivências e sentimentos.

Mas como trabalhar tudo isso a distância, em casa, pelo computador? Vamos descobrir neste ano, pois trabalhar desta forma será nossa primeira experiência.

E o que vamos fazer? Faremos o que há de mais legal. Será a primeira vez que brincaremos de Bingo a distância, que faremos uma pescaria, ou uma brincadeira de latas, que dançaremos a quadrilha ou qualquer passo sertanejo, separados pela distância física mas muito perto, unidos pela tecnologia, pela interação digital.

Preparamos um Kit “Decoração da sala de casa”, jogos de quermesse, uma construção de papéis para customização de um caipirinha (a criança ), pipoca, e adornos. E o resto da decoração, comes e bebes ficarão a critério dos pais.

Tudo foi pensado com tanto carinho e cuidado, que dá até um calor no coração de imaginar como será!

E o melhor da festa ainda está por vir: nossos alunos participando, interagindo e se divertindo. As famílias reunidas em torno do tema, confraternizando, e registrando novas memórias que serão tão importante quanto as presenciais.

Vem pro nosso Arraia, vem pra nossa Festa Julina Virtual do Poeta!!

Festa Julina Virtual
Leia mais

Escola e Tecnologia juntas

Os grandes desafios que a Pandemia do Coronavirus trouxe para as Escolas não é algo tão desconhecido assim.

Hoje em dia, as atividades mais corriqueiras se desenvolvem com uso de recursos digitais, mesmo que seja apenas através uma consulta do buscador de preferência ou ao assistir um vídeo instrucional numa plataforma de Streamed.

Como a escola se comportava antigamente?

Para a Escola, a história mostra que giz e lousa eram suficientes para ensinar. A ideia era a de que o professor escrevia muito, falava muito e o aluno ouvia e copiava. E como copiava! Culturalmente quanto maior era o texto, maior o aprendizado relacionado. Mas parece que esse conceito deixou de ser a única referência em Educação.

Os alunos de hoje, crianças e adolescentes de um mundo totalmente diferente do que era antigamente, não apresentam mais o tão esperado rendimento ou interesse pela escola. Até porque nesse formato que historicamente se tornou uma grande referência nenhum dispositivo digital era utilizado, no máximo um dispositivo chamado “retroprojetor” que ampliava textos,  diferentes imagens e trazia maior estímulo visual as aulas.

Isso assustou, e trouxe uma reflexão: O que fazer?

Sabíamos o que fazer: A resposta estava clara. Trazer os recursos digitais tão estimulantes e presentes na vida dos alunos para a escola. Claro que a implantação seria gradativa e todos os profissionais seriam treinados para lidar com essa  “tal” Tecnologia. Esse termo “Ensino Híbrido” já pairava nos Congressos de Educação, mas como algo que estava chegando. Estava tudo sob controle.

Mas há 4 meses nos vimos forçado a encarar uma realidade onde a distância se fez necessária, o aprendizado efetivo se tornou imperativo e a tecnologia a única forma de tudo isso acontecer.

Passamos a ter que lidar de forma urgente com tudo aquilo que ainda não estava em nossos planos imediatos. Implantar pra já! E implantamos, nos adaptamos e sobrevivemos. Enfim podemos dizer que Escola e Tecnologia andam juntas.

Escola e Tecnologia juntas
Leia mais

Novidades em 2020 no Colégio Poeta

Novidades 2020 no Poeta

O Colégio Poeta está preparando um ano de 2020 com muitas novidades.

Uma nova proposta pedagógica está nascendo, utilizando o que há de mais atual e interessante para os alunos.

Já ouviu falar em metodologias ativas? E Ensino híbrido? E que tal Aprendizagem compartilhada?

Esses termos dão nome ao que há de mais atual em estratégias de ensino, afinal tornam o aluno o centro de sua própria aprendizagem.

Autores como José Moran descrevem o uso da tecnologia digital de informação e comunicação, sob a forma de diversos dispositivos móveis conectados a internet, como um meio de gerar mudanças sociais importantes que tem provocado a dissolução de fronteiras de espaços físicos e virtuais, ao passo que criam um espaço híbrido de conexões.

Inegavelmente as conexões geradas por todos esses recursos oportunizam o aumento das relações que com toda certeza, seriam bem menos acessíveis num cenário diferente.

Nossos alunos conhecerão um aprendizado mais interessante, interativo e de muito mais resultado. Em outras palavras, terão mais envolvimento, curiosidade e maior participação em seu processo de aprendizagem.

Quer conhecer mais sobre isso? Vem para o Poeta!

Novidades em 2020 no Colégio Poeta
Leia mais

1º Día Del Español

Este ano o Colégio Poeta Manuel Bandeira realizou seu 1º Día Del Español, em que desde seus colaboradores até seus alunos só poderiam utilizar a conversação em espanhol. Foi um aprendizado único e especial pois vimos o empenho e a dedicação de todos os envolvidos trazendo um pouca da cultura e conhecimento dos países que têm como sua língua oficial o espanhol.
Este É a língua oficial de 21 países e falado por mais de 550 milhões de pessoas, é a segunda língua internacionalmente mais usada e o quarto idioma mais falado do mundo.
E nada melhor do que treinar tudo o que aprendemos durante o ano numa atividade divertida e empolgante!!

1º Día Del Español
Leia mais

1º English Day

Assim como o Dia do Espanhol, este ano o Colégio Poeta Manuel Bandeira também realizou seu 1º English Day.
Colaboradores e alunos só poderiam usar o idioma inglês. Muitas brincadeiras, jogos, músicas e conversação em inglês trouxeram diversão e pratica ao aprendizado de imersão.

1º English Day
Leia mais